c

c
Imagens: Sicalis flaveola (Canário-da-terra)/Cláudio Gontijo/Lassance-MG

segunda-feira, 4 de novembro de 2013

Lavadeira-Mascarada

É possível observar a Lavadeira-mascarada (Fluvicola nengeta), também conhecida como viuvinha ou noivinha, nas margens barrentas dos rios e córregos, lagoas, brejos e outros locais muito úmidos e lamacentos. Nestas regiões estes pássaros procuram o seu alimento: larvas, insetos, aranhas, pequenos moluscos.



A Lavadeira-mascarada caminhando às margens da Lagoa Paulino, centro de Sete Lagoas-MG - Imagem: Cláudio Gontijo




Não há diferenças significativas entre o macho e a fêmea; o macho possui uma coloração um pouco mais escura na sua região dorsal. Ambos apresentam a coloração branca e preta ao longo das penas. O casal busca estas margens de cursos d'água para fazerem seu ninho. Eles juntam fibras e gravetos apanhados nestas áreas e constroem o ninho nas árvores localizadas, sempre, próximas às matas ciliares. A fêmea pode depositar entre dois e três ovos que irão eclodir em pouco mais de 10 dias. Os filhotes poderão voar em mais três semanas.




A Lavadeira parece se contorcer, também à margem da Lagoa Paulino, Sete Lagoas-MG. Imagem: Cláudio Gontijo





Esta espécie habita as regiões Nordeste, Sudeste e norte da região Sul do Brasil. São pássaros sociáveis que se adaptam até mesmo às margens de represas urbanas e a parques de regiões centrais de cidades maiores. Eles deixam que as pessoas aproximem-se deles, a distâncias bem curtas. 


Postar um comentário